Costocondrite por ansiedade: Sintomas, causas e tratamento para preveni-la

A ansiedade tem como uma de suas principais características, a capacidade de se manifestar em uma ampla gama de sintomas. Aumento da pressão arterial e da frequência cardíaca, aumento da frequência respiratória, liberação de hormônios, parestesias, tonturas… Todos eles podem estar relacionados à manifestação da ansiedade. Uma das preocupações mais comuns das pessoas que sofrem de um ataque de pânico ou que frequentemente manifestam ansiedade no seu dia-a-dia é a costocondrite ou Síndrome de Tiezte.

Essa preocupação se deve ao fato de que a costocondrite pode ser percebida como um problema cardíaco grave e é por isso que hoje vamos falar a fundo sobre essa patologia, suas causas, sintomas e o que podemos fazer para preveni-la e também tratá-lo.

Além disso, também explicaremos qual é a relação entre esse sintoma e a ansiedade.

Esperamos que este artigo seja útil para você e lembramos que você pode nos deixar seus comentários ou sugestões no final da página. Nossa equipe de profissionais tentará respondê-los o mais rápido possível.

O que é costocondrite?

Costocondrite é o termo médico usado para descrever a inflamação da cartilagem que costocondrite e ansiedadeconecta as costelas ao esterno. Essa inflamação causa dor e sensibilidade na parede torácica e muitas vezes se manifesta de maneira semelhante a um ataque cardíaco e/ou outros problemas cardíacos.

Geralmente, a Síndrome de Tietze não tem uma causa clara e costuma ter remissão espontânea. Isso significa que raramente representa um risco para a saúde, embora o mais aconselhável, caso os sintomas não desapareçam, seja ir a um centro médico onde façam o exame pertinente.

Sintomas da Síndrome de Tietze

Na maioria dos casos, os sintomas característicos da costocondrite são:

  • Dor e/ou sensibilidade na parede torácica que pode ser aguda, opaca e persistente.
  • Muitas vezes essa dor é descrita como aguda, fina ou percebida como pressão e, às vezes, se intensifica com o movimento.
  • Embora possa se manifestar em ambos os lados do tórax, a dor geralmente se localiza no lado esquerdo do esterno. Em algumas ocasiões, pode irradiar para outras partes do corpo, incluindo costas e abdômen.
  • Dor ao tentar respirar fundo
  • Dor ao tossir

Causas mais comuns de costocondrite

Geralmente, a causa exata do aparecimento da Síndrome de Tietze não é conhecida. No entanto, existem alguns casos em que uma determinada causa pode ser dada. Entre eles estão:

  • Lesão: Uma pancada no peito ou o fato de levantar pesos pesados ​​e/ou exercícios de alta intensidade.
  • Infecções: Se uma infecção se desenvolver na articulação costoesternal, pode causar dor.
  • Fibromialgia: Esta doença causa dores musculares e uma sensação contínua de astenia e/ou cansaço. Em algumas ocasiões, essa dor está localizada na região do peito, causando episódios de costocondrite.
  • Alguns tipos de artrite e/ou osteoartrite

Qual é a relação entre costocondrite e ansiedade?

Uma das manifestações mais comuns da ansiedade, e principalmente dos ataques de pânico, é a sensação de pressão no peito. É um sintoma muito intenso que, junto com a falta de ar, eleva o nível de preocupação de quem sofre com a crise.costocondrite e ansiedade

Nesse estado de alerta máximo, muitos pacientes relatam sentir dores lancinantes no peito, mais intensas do lado esquerdo, o que, para muitos, faz pensar que estão tendo um infarto.

Desta forma, é lógico pensar que este tipo de sintomas costuma estar associado a pensamentos catastróficos como “vou perder o controlo” ou mesmo “vou morrer”, que também contribuem para um estado de nervosismo ainda maior.

Ou seja, muitas das manifestações que ocorrem durante um ataque de ansiedade correspondem aos sintomas que caracterizam a Síndrome de Tietze. Por esta razão, muitas vezes considera-se que a ansiedade também pode ser uma causa de episódios de costocondrite.

Tratamento da costocondrite de ansiedade

Como vimos anteriormente, a maioria dos casos de costocondrite costuma ter remissão espontânea e com repouso. No entanto, o ideal é consultar um profissional de saúde para descartar qualquer tipo de causa orgânica.

No entanto, algumas das recomendações de cuidados pessoais que costumam fazer são:

Descanse bastante e evite atividades que possam piorar ou manter a dor.

Exercite regularmente. Caso a manifestação da Síndrome de Tietze seja recente, realize exercícios de baixa intensidade, como caminhar, etc.

Aplique calor (em intensidade moderada) na área afetada. Uma almofada de aquecimento ou similar pode ajudá-lo nesse sentido.

No caso dos episódios de costocondrite, ocorrem por ansiedade ou ataques de pânico, pelo que é sobre estes que se deve aplicar o tratamento.

Nesse sentido, a terapia cognitivo-comportamental tem demonstrado sua eficácia no tratamento desse tipo de transtorno. Técnicas como psicoeducação, reestruturação cognitiva, treino de relaxamento ou implementação de assertividade têm se mostrado eficazes no tratamento da ansiedade.

Por outro lado, neste outro artigo deixamos-lhe algumas técnicas e chaves que o ajudarão a acalmar os sintomas da ansiedade.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *